História

A origem do Município de Muaná encontra-se numa fazenda particular que, pelo seu desenvolvimento, transformou-se em povoado e, posteriormente foi elevado à categoria de freguesia, em 1757 sob nome de (São Francisco de Paula).[9]

Este foi o primeiro município do Estado do Pará a aderir a Independência do Brasil[10], ocorrido EM 28 de maio de 1823. Sendo comemorado anualmente em uma celebração cívica, com desfiles escolares na cidade.

O Conselho do Governo da Província em sessão de maio de 1833, elevou essa freguesia à condição de Vila, pela Lei nº 324, de 6 de julho de 1895.

Tendo uma influência grande na cabanagem onde serviu de refúgio para os revoltosos, onde travaram em 28 de maio de 1823 uma grande batalha durante quatro horas de fogo cruzado. Por fim, conseguiram afugentar os imperias onde hoje é a frente[necessário esclarecer] da cidade; Com os cabanos Cel. Rodrigo Lopes de Azevedo, Cap. Antonio da Costa, Cel Izidro da Silva, entre outros. Sendo assim o primeiro município a aderir sua independência de Portugal.

Muaná é uma das únicas cidades do Marajó que tiveram o nome original preservado, após a mudança exigida pelo governador para as ‘freguesias’ do Marajó, por volta de 1750, Muaná era a tribo da região, remanescente da nação nheengaíba, que dominou o Marajó antes da chegada dos colonizadores.

O Município é formado por vários distritos e vilas como: Distrito de São Miguel do Pracuba, Ponta Negra, Palheta e Jararaca. Existe a olha do Palheta onde existe as ruinas do antigo engenho de cachaca, acucar e alcool do sec.XVIII. e XIX. Existe tam bem na ilha do palheta um antigo chale do senhor do engenho pertencente a familia maues e tocantins que eram os donos do engenho palheta.

 

Geografia

Localiza-se no norte brasileiro, a uma latitude 01º31’42” sul e longitude 49º13’00” oeste, estando a uma altitude de 22 metros do nível do mar.[7] O município possui uma população estimada em 37 977 mil habitantes distribuídos em 3 763,199 km² de extensão territorial. Sendo o 4° município mais populoso do Marajó atrás de BrevesPortel e Afuá. É a 5° cidade com o Maior Índice De Desenvolvimento Humano da ilha, com um IDH de 0,653, e o 7° Da região na soma total do PIB.[8]

Em Muaná nasceram o Médico e jornalista Canuto da Costa Azevedo, O poeta,Carlos Hipólito de Santa Helena Magno, O Saltador Ornamental que participou dos Jogos Pan-americanos de Guadalajara, no México em 2011Ian Matos, que nasceu no distrito de São Miguel Do Pracuúba, que pertence a o município.

 

Fonte: wikipedia

Acessibilidade
Acessibilidade